Cobre opera em baixa em Londres e NY, à espera de pronunciamento de Powell

Publicado em 27/02/2018 por IstoÉ Dinheiro

Os contratos futuros de cobre operam em baixa em Londres e Nova York nesta manhã, pressionados por um clima de cautela que antecipa o pronunciamento do presidente do Federal Reserve (Fed), Jerome Powell, no Congresso americano.

Powell, que assumiu o comando do banco central dos EUA no último dia 5, fala na Câmara dos Representantes hoje e no Senado, na quinta-feira. Investidores ficarão atentos a seus comentários em busca de sinais de em que ritmo o Fed pretende continuar apertando sua política monetária. A dúvida é se o BC americano elevará juros apenas três vezes em 2018, como previu no fim do ano passado, ou se terá espaço para um quarto aumento.

Por volta das 8h35 (de Brasília), o cobre para três meses negociado na London Metal Exchange (LME) recuava 0,52%, a US$ 7.073,00 por tonelada.

Na Comex, a divisão de metais da bolsa mercantil de Nova York (Nymex), o cobre com vencimento para maio tinha baixa de 0,60%, a US$ 3,2050 por libra-peso, às 9h09 (de Brasília).

Também há expectativa para dados sobre atividade manufatureira na China, o maior consumidor mundial de metais básicos. Os últimos números serão divulgados entre hoje e amanhã.

Entre outros metais básicos na LME, não havia direção única. O zinco recuava 0,57% no horário indicado acima, a US$ 3.511,00 por tonelada, enquanto o alumínio se mantinha estável, a US$ 2.138,25 por tonelada, o estanho subia 0,32%, a US$ 21.645 por tonelada, o níquel avançava 0,25%, a US$ 13.970,00 por tonelada, e o chumbo diminuía 0,47%, a US$ 2.565,00 por tonelada. Fonte: Dow Jones Newswires.

 

Fonte: http://www.gsnoticias.com.br/noticia-detalhe/governo-e-politica/cobre-opera-em-baixa-em-londres-ny-espera-pronunc